ara tirar quaisquer dúvidas, basta os interessados consultarem o site www.estacionamentodigital.com.br

Daqui duas semanas, na segunda-feira (14 de dezembro), serão iniciados os trabalhos de cobrança e fiscalização da Área Azul, sistema de estacionamento rotativo em Lages a ser executado no Centro e bairro Coral.

Os monitores que irão desempenhar estas funções já foram apropriadamente treinados e já estão pelas ruas e avenidas com a missão de prestar orientações e realizar as vendas dos cartões magnéticos de créditos para aqueles motoristas que pretendem se adiantar e adquirir o produto.

Veja o vídeo:

O aplicativo para celular (smartphone Android ou iPhone), aos primeiros testes de uso dos estacionamentos, já está liberado e disponível. As explicações de como baixar e sobre cadastro constam, em detalhes, em www.estacionamentodigital.com.br.

No total são 45 parquímetros em todas as áreas demarcadas, podendo chegar a 60, conforme a necessidade.

O bairro Coral também ganhou seus parquímetros, mais especificamente na avenida Camões, até a rótula do Monumento aos Bois.

Será de R$ 2,25 o preço inicial da tarifa básica de utilização das vagas destinadas para automóveis, caminhonetas e similares, para o período de uma hora em cada vaga. Já o preço para as vagas destinadas a ciclomotores, motocicletas, motonetas e similares será de 50% do preço da tarifa básica para o período de uma hora (R$ 1,15).

Os valores podem ser reajustados proporcionalmente ao período de tempo de ocupação da vaga. O tempo máximo de permanência permitido na vaga é de duas horas. A tarifa para carga e descarga está estabelecida (30 minutos) em R$ 2,25, com tempo máximo de uma hora na ocupação da vaga. 

Fracionamento de tempo

Em Lages, utilizando o formato digital, o usuário poderá pagar só o tempo que permaneceu na vaga. Ao sair da vaga, deve-se parar a alocação digital e os créditos do tempo não utilizados irão voltar para a conta digital da cidade, conforme se explica no site Estacionamento Digital. Exemplo: se o usuário alocar uma hora e permanecer na vaga por apenas 45 minutos, poderá, via aplicativo, acionar o botão “Parar alocação” e o valor fracionado dos 15 minutos restantes retornarão para o usuário.

Praticidade a idosos e a pessoas com deficiência física

Serão destinadas 5% das vagas inseridas no sistema aos idosos e 2% aos portadores de deficiência física. O cadastro será pelo Cadastro de Pessoa Física (CPF) do usuário, e não pela placa do veículo. Valor de cada hora é de R$ 2,25 e o tempo máximo de permanência na vaga é de duas horas.

Texto: Daniele Mendes de Melo, com informações de Aline Tives (PML)

Fotos e vídeo: Nilton Wolff / Lages Online

Categorias: Uncategorized

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *