A agenda dos candidatos à Prefeitura de Lages, Carmen Zanotto (Cidadania) e Samuel Ramos (DEM) segue com muitos compromissos de campanha. Na manhã desta quinta-feira (15, a dupla distribui santinhos na sinaleira da esquina das Avenidas Belizário Ramos (Carahá) e Papa João XXIII. O ato contou com participação do deputado estadual Marcius Machado (PL), partido este que faz parte da coligação “Trabalho e Amor por Lages). Ontem, o trio já havia feito ato semelhante em um dos semáforos da Avenida Duque de Caxias

Ainda como parte da agenda, Carmen visitou o bairro Santa Helena. Ela conversou com os moradores, que reclamaram da falta de infraestrutura no bairro. A principal queixa é em relação a um córrego que atravessa a Rua Manaus. O problema é crônico. Cada vez que chove em grande volume, este córrego transborda e alaga casas, causando prejuízos e transtornos à população.

Carmen também visitou lideranças do bairro Petrópolis. Além disso, ela conheceu um projeto social destinado a famílias em situação de vulnerabilidade social, de autoria de Edson Valmir Cordova da Rosa, pesquisador, doutorado em Química Ambiental e especialista em inovação e tecnologia. O projeto visa a garantir reserva de água em casa de famílias carentes.

Debate

O candidato a vice-prefeito, Samuel Ramos, por sua vez, participou, ontem, de debate promovido pela Rádio Mix. Na ocasião, ele apresentou algumas metas do plano de governo para administrar Lages. Perguntas sobre mobilidade urbana, educação, habitação, entre outros temas, foram respondidas pelo candidato. “Estou com a Carmen por saber de sua postura ilibada. Ela será uma prefeita que sabe de todos os caminhos no Governo Federal para mudar a nossa cidade”, disse Samuel.

Ele falou sobre a importância da tecnologia para a mobilidade urbana, e de que forma o investimento em agentes de trânsito irá facilitar o dia a dia no tráfego de veículos. Sobre educação, afirmou que Carmen e ele pretendem valorizar os professores e auxiliares, criar creche noturna e oferecer espaço de apoio para pais e alunos, além da atenção que a administração deve dedicar às crianças com deficiência, por exemplo.

Quando questionado sobre habitação, Samuel se comprometeu em continuar um trabalhou que começou e não teve continuidade – a Regularização Fundiária, com a entrega de escrituras. Ele falou também sobre o déficit habitacional e de quais formas pode contribuir para que mais famílias tenham casas próprias e dignas para morar.

Outros compromissos

A agenda de Carmen e Samuel prosseguiu durante esta quinta com reuniões, gravações de programas de campanha, visitas a empresas, bairros, dentre outros eventos.

 “A receptividade da população está muito boa. Temos certeza de que estamos no caminho certo”, declarou Carmen.

Assessoria de Imprensa do Cidadania

Jornalistas responsáveis: Silviane Mannrich e Adecir Morais

Categorias: Uncategorized

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *